CONTATO >

T: (21) 2285.4299

F: (21) 99831.0939

E: taligado@redenami.com

Assine nossa newsletter e fique por dentro!

© 2018 por Rede NAMI.

Rua Tavares Bastos, 283, casa 2, Catete, Rio de Janeiro.

"A NAMI é uma rede de mulheres

que usa as artes urbanas

para promover

os nossos direitos"

#AfroGrafiteiras 2018: Turmas iniciantes - Módulo II

August 3, 2018

O segundo módulo do projeto #AfroGrafiteiras 2018, para as turmas iniciantes #TavaresBastos e #PérolaNegra, começa com a presença de Janete Ribeiro, convidada para falar com as participantes sobre o Racismo Estrutural.

 

 

A palestra se iniciou com uma dinâmica na qual a historiadora se utilizou dos corpos para falar sobre o conceito de estrutura; em seguida as participantes foram divididas em grupos e convidadas a desenhar como imaginavam que seriam as partes do corpo de uma mulher estruturada e por fim juntar todas estas partes. Após, com o auxílio de vídeos, Janete explicou mais sobre as raízes e as consequências do racismo estrutural no Brasil, como afetam as oportunidades de emprego e estudo para pessoas negras, principalmente as mulheres.

 

Por fim realizou uma dinâmica chamada Caminhada do Privilégio que procura evidenciar a desigualdade em nossa sociedade. Todas começam de pé, lado a lado, e são submetidas a perguntas relativas a seus privilégios sociais, como acesso a educação privada ou aceitação social e familiar de suas sexualidades. No fim, pudemos perceber que, mesmo em um grupo cheio de mulheres negras, algumas estão em locais de desvantagem em relação às outras.

 

Nas oficinas seguintes as participantes aprenderam mais sobre a criação de personagens e de tirinhas. Pensando na palestra de Janete, diversas mulheres criaram personagens negras como elas e tirinhas versando sobre racismo e violência contra a mulher. Os desenhos foram todos feitos em preto e branco, visando as atividades da semana subsequente: um mural coletivo.

As #AfroGrafiteiras fizeram então seu primeiro mural, utilizando suas personagens previamente criadas e apenas spray preto sobre o muro branco. Elas aprenderam sobre vetorização de personagens e recortes para maior limpeza no acabamento dos graffitis. Veja o resultado:

 

 

 

Please reload

Please reload

Please reload

Please reload