CONTATO >

T: (21) 2285.4299

F: (21) 99831.0939

E: taligado@redenami.com

Assine nossa newsletter e fique por dentro!

© 2018 por Rede NAMI.

Rua Tavares Bastos, 283, casa 2, Catete, Rio de Janeiro.

"A NAMI é uma rede de mulheres

que usa as artes urbanas

para promover

os nossos direitos"

#AfroGrafiteiras 2018: Turma Avançada - Módulo V

October 25, 2018

Em setembro, as #AfroGrafiteiras iniciaram a jornada de pintura de telas. Se utilizando de spray, stencils e tinta acrílica, elas tiveram toda a liberdade e duas semanas para criar telas com temática livre, abordando tudo que elas aprenderam até então no projeto. Com muita cor, interpretações e estilos diversos, elas capricharam:

 

 No dia 22 de setembro, as participantes foram convidadas por Fernando Cocchiarale, artista, crítico de arte, professor e curador, a realizar uma visita guiada pelo Museu de Arte Moderna, localizado no Aterro do Flamengo, do qual o artista é curador chefe.

Fernando contou mais sobre o ofício de curador que exerce no museu, a história, a estrutura e os detalhes por trás das exposições fixas e temporárias em cartaz no local. As meninas tiveram liberdade para fazer perguntas e explorar o museu inteiro.

Foram recebidas também pelo artista Cesar Oiticica Filho, que abria uma exposição no mesmo dia e dividiu um pouco de seu trabalho atual. Leia mais sobre a visita aqui.

 

Neste mês elas tiveram também a segunda parte da oficina sobre criação de site portfólio com J Lo Borges, artista visual e membra da #EquipeNAMI. Nessa etapa, elas foram incentivadas a apresentar seus próprios sites com fotografias, mini bio e descrição dos trabalhos artísticos.

Em seguida, elas voltaram a receber Simone Cupello. Ela havia aberto seu ateliê para receber as meninas em agosto, e dessa vez voltou para falar sobre como criar um projeto de arte, usando seu próprio trabalho artístico como exemplo.

 

Fechando o módulo, as #AfroGrafiteiras foram até a Casa de Acolhida do Catete, que foi sede de uma das turmas do projeto até o início do mês de setembro. Com o auxílio das meninas acolhidas pelo espaço, elas fizeram um mural super colorido, deixando a marca das #AfroGrafiteiras na Rua do Catete:

 

 

 

 

 

Please reload

Please reload

Please reload

Please reload